Concertos Paulínia 2011

Solistas de Paulínia


O grupo Solistas de Paulínia, formado por músicos de renome no cenário brasileiro e internacional, reuniu-se pela primeira vez em 2001 em um concerto no Teatro Oriente, em Santiago do Chile, onde representou o Brasil na série concertos internacionais da Fundación Beethoven.

 

Desde então, consolidou-se como um dos mais destacados conjuntos brasileiros de cordas, posição conquistada graças a uma agenda das mais intensas – o grupo já ultrapassou a incrível marca de mais de trezentos concertos realizados. Apresentaram-se nas mais importantes salas de concertos do país, como Theatro Municipal de São Paulo, Theatro São Pedro em Porto Alegre, Teatro Nacional em Brasília, Teatro Amazonas em Manaus, Teatro Guaíra em Curitiba, Teatro Santa Isabel em Recife, Sala Cecília Meireles no Rio de Janeiro, Teatro Cultura Artística Itaim em São Paulo e Theatro Municipal de Paulínia.

 

Em todos esses anos tocaram com artistas renomados como os pianistas Nelson Ayres, Janis Vakarelis (Grécia), Emmanuel Strosser (França), Roglit Ishay (Israel), Ney Fialkow, Sergio Melardi, Jean-Louis Steuerman, José Feghali e Gilberto Tinetti; os violinistas Ilya Gringolts (Rússia), Isabelle van Keullen (Holanda), Régis Pasquier (França), Roy Shiloah (Israel), Hagai Shaham (Israel) e Cláudio Cruz; os clarinetistas Romain Guyot (França) e Paulo Sérgio Santos; o flautista Antonio Carlos Carrasqueira; e grupos camerísticos internacionais como o Quarteto de Leipzig.

 

No final de 2008, o conjunto foi destaque na programação Especial de Final de Ano da TV Cultura, com a exibição de cinco de seus concertos gravados em São Paulo. Desde 2009, o conjunto foi adotado como corpo estável pelo Theatro Municipal de Paulínia, onde passou a apresentar uma série regular de concertos, o que demonstra a coerência e seriedade do investimento em cultura da Prefeitura de Paulínia.

 

Em abril de 2010, representou o Brasil nas comemorações do bicentenário da Argentina, no Festival de Ushuaia. Em setembro de 2011 foi convidado para uma apresentação em Buenos Aires, no prestigioso festival
Semana Llao Llao en el Alvear.